Liga Revelação: Mágico mantém liderança na Madeira

Os Sub23 do Estoril Praia foram esta sexta-feira jogar ao Estádio do Machico, na Madeira, a jornada 7 da Fase de Apuramento de Campeão da Liga Revelação.

Depois de dois empates na Série Sul da competição esta temporada por 1-1 e 3-3 frente ao CS Marítimo, a formação dos canarinhos alinhou na baliza com João Oliveira, a defesa composta por Tiago Manso, Bernardo Vital, Vasco Oliveira e Lucas Silva, com os médios Afonso Valente e Klismahn, e na frente Elias Achouri, Douglas Aurélio, Chiquinho e Gilson Tavares.

O primeiro lance de perigo do Estoril Praia surgiu aos 22 minutos de jogo, tendo motivado a expulsão de Rovira. O jogador do Marítimo travou Elias Achouri à entrada da área e o árbitro Anzhony Rodrigues decidiu punir o jogador com o castigo máximo. Na cobrança do livre, Chiquinho remata contra a barreira, na segunda bola, Afonso Valente de primeira obriga a defesa apertada do guarda-redes.

O golo do Mágico não tardou em surgir e no último quarto de hora da primeira parte, troca de bola de Tiago Manso e Gilson, que encontra Chiquinho na direita. Com tempo para aguardar a chegada dos colegas à área, Chiquinho cruza para Douglas Aurélio que de cabeça faz o primeiro golo do jogo.

O Marítimo fica reduzido a 9 unidades a 5 minutos do final do primeiro tempo, quando o já amarelado André Teles impede a progressão de Elias.

As equipas vão para os balneários com o Estoril Praia em vantagem e no regresso, Ludgero Castro faz uma dupla substituição para tentar igualar o marcador.

O Estoril Praia obrigou por inúmeras vezes os insulares a descer no terreno de jogo, primeiro por Douglas Aurélio a cabecear ao centro da baliza e a obrigar Pedro Mateus a uma defesa por instinto, depois por Vasco Oliveira, na sequência de canto a cabecear ao lado do segundo poste e por Gilson Tavares a rematar ao lado da baliza.

Passados 11 minutos do segundo tempo, já com amarelo no jogo Tiago Manso é substituído por Pedro Guerra e Afonso valente por Lucho Vega.

O segundo golo parte da defesa do Estoril Praia, com o relógio a marcar 67 minutos decorridos, com Vasco Oliveira no corredor central a encontrar Lucas Silva sozinho na esquerda. O lateral estorilista cruza para o interior da área e Dylan Collard, num corte infeliz, faz autogolo e aumenta a vantagem do Estoril Praia.

O treinador do Mágico refrescou a equipa primeiro aos 71 minutos com as entradas de Paulinho e Rúben Pina para os lugares de Elias e Chiquinho, respetivamente, e aos 84 minutos, nova mudança na defesa com Bernardo Vital a trocar com Volnei Feltes.

Paulinho ainda ameaçou o terceiro, ao deixar para trás dois defesas madeirenses e a rematar o esférico para uma difícil intervenção do guarda-redes do Marítimo.

Com esta vitória, o Estoril Praia reforçou a liderança da Fase de Apuramento da Liga Revelação e conta agora com 19 pontos após duas jornadas.

Classificação