O jogo do Estoril Praia frente ao FC Arouca marcou o arranque da época 2020/2021 da Liga Pro.
O Estádio António Coimbra da Mota foi o palco da cerimónia de abertura da competição e da vitória frente ao clube arouquense. A equipa do Mágico esteve em destaque pela vitória conseguida e pela mensagem que transportava nas camisolas de jogo.

O Estoril Praia entrou em campo com Dani F. na baliza, na defesa com João Diogo, Hugo Basto, Hugo Gomes e o capitão Joãozinho, no meio-campo com João Gamboa, Rosier, Zé Valente e Bruno Lourenço. Na frente de ataque, a equipa do Mágico contou com Aziz e André Vidigal.

Foi necessário menos de 1 minuto após o apito do árbitro João Malheiro Pinto, para que o Estoril Praia inaugurasse o marcador. João Diogo cruza para junto do segundo poste, onde surgiu o jovem André Vidigal que encostou para as malhas da baliza, estreando-se a marcar com a camisola do Mágico. O avançado de 22 anos, foi eleito Homem do Jogo pela SportTv, no final do jogo.

O mister Bruno Pinheiro fez a primeira substituição ao 65 minutos de jogo, colocando em campo Paulinho e retirando de campo o marcador André Vidigal. Aos 82 minutos, Cícero regressou aos relvados para o lugar de Zé Valente. Um ano e três meses depois, o médio brasileiro, que esteve parado devido a lesão, voltou a vestir a camisola do Estoril Praia. Após os 4 minutos de compensação dados pelo árbitro da partida, Miguel Crespo substituí Rosier em campo.

A camisola de jogo do Estoril Praia esteve também em destaque neste jogo, através de uma campanha inovadora de apelo à presença de público nos estádios. Saiba mais sobre a campanha Emoção é no Estádio.

O jogo da jornada inaugural da Liga Pro, ficou também marcado pela arbitragem, que contou com a árbitro assistente Vanessa Gomes, a primeira mulher a arbitrar uma competição oficial de futebol profissional em Portugal. No início do jogo, foi entregue a Vanessa Gomes, uma bola autografada pelos jogadores das duas equipas, pelas mãos da Diretora Executiva de Competições da Liga Portugal, Helena Pires.