Estoril Praia elimina Portimonense e está nas meias finais da Taça Revelação

O Estoril Praia visitou o Portimonense SC esta segunda-feira, no jogo a contar para a segunda mão dos quartos de final da Taça de Revelação. Os canarinhos chegaram à partida em vantagem, depois de vencerem por 3-0 o jogo da 1ª mão.

Vasco Botelho da Costa apresentou algumas mudanças no onze e alinhou com Jota Oliveira na baliza, Volnei, Lucas Silva, João Castro e João Dias na defesa, Afonso Valente, Lucho Vega e Klismahn no meio-campo. Elias Achouri, Serginho e Gilson formaram o ataque estorilista.

O Portimonense a procurar dar volta à eliminatória, desde cedo criou problemas ao Estoril Praia. Aos 2 minutos, Jota Oliveira esteve em destaque ao travar dois remates consecutivos dos algarvios, com duas grandes defesas e com a bola a terminar sobre a baliza.

Os 18 minutos, o Estoril Praia tem o primeiro momento de destaque do jogo. Na saída de bola do guarda-redes do Portimonense, Serginho rouba a bola ao defesa, coloca em Gilson que remata para defesa com a perna do guarda-redes da equipa da casa.

O Portimonense ficou em vantagem no jogo, quando aos 20 minutos, Tiago Morais conquista segunda bola e remata para fora do alcance de Jota Oliveira.

Após o golo, Aflalo travou uma das iniciativas de Elias dentro da área e pouco tempo depois, Gilson Tavares atira ao lado.

Gilson Tavares bisou na partida

O Estoril Praia reagiu e empatou a partida aos 34 minutos. João Castro coloca a bola na frente em Elias Achouri, que recebe de forma acrobática, centra na área onde Gilson Tavares encosta para o fundo das redes.

A 5 minutos do apito para o intervalo, o Portimonense fica de novo em vantagem, Reko consegue colocar o esférico entre os defesas do Mágico e Chiquinho aparece para concluir, com um remate rasteiro, para o 2-1.

No regresso do intervalo, Vasco Botelho da Costa procedeu a uma dupla alteração, com as entradas de Tiago Manso e Vasco Oliveira, para os lugares de João Castro e João Dias, respetivamente.

A vantagem dos algarvios foi de novo anulada, Serginho no centro do terreno abre o jogo para a direita, na direção de Gilson Tavares, que de fora da área, ajeita o esférico e remata forte, com a bola a bater no segundo poste e a entrar na baliza, com o avançado a bisar no jogo.

Novas mudanças na equipa do Mágico, primeiro aos 60 minutos, com Serginho a dar lugar a Douglas Aurélio e depois aos 72 minutos, com a entrada de Diogo Batista para a posição de Lucho Vega. Já aos 81 minutos, Miguel Veríssimo substitui o capitão Afonso Valente.

Diogo Batista colocou o Estoril Praia em vantagem

Diogo Batista precisou de apenas 13 minutos em campo para colocar o Estoril Praia em vantagem. O médio troca a bola com Douglas Aurélio na área do Portimonense e na cara do guarda-redes, Diogo Batista pica a bola para o lado contrário de Raphael Aflalo.

O Estoril Praia segue agora para as meias-finais da Taça Revelação, onde vai defrontar o FC Famalicão, que venceu a B SAD por 2-1, no jogo da 1ª mão e 1-0, na 2ª mão.

 

Ficha de Jogo