Estoril Praia em vantagem por 1-0 para o jogo da 2ª mão

O Estoril Praia venceu o FC Famalicão por 1-0, esta terça-feira em Amares, a contar para a 1ª mão das meias-finais da Taça Revelação.

Os canarinhos, que eliminaram o Portimonense nos quartos de final, alinharam com Jota Oliveira na baliza, Lucas Silva, Volnei Feltes, Vasco Oliveira e João Castro na linha defensiva e Afonso Valente, Klismahn e Lucho Vega no meio-campo. Chiquinho, Gilson Tavares e Elias Achouri formaram o ataque.

11 do Estoril Praia

O Mágico Estoril Praia dominou grande parte do primeiro tempo, a obrigar os famalicenses a jogar durante muito tempo no seu meio-campo. E foi a equipa da linha a primeira a criar perigo no jogo, quando aos 2 minutos, numa perda de bola da equipa do Famalicão, Afonso Valente recupera a posse e abre jogo para Chiquinho no corredor central. O avançado, em zona frontal com a baliza, faz a bola a passar rente ao poste da baliza de Maltos Becker.

Perto da meia hora, o jogo ficou partido no terreno de jogo, com o Famalicão a conseguir chegar com perigo à área do Estoril Praia.

No minuto 37, Chiquinho leva a melhor sobre um dos homens do Famalicão, que tentava o corte através de carrinho junto à linha lateral, percorre o corredor direito e coloca o esférico na área, onde Gilson Tavares remata sobre a baliza.

Jota Lopes tentou levar a melhor sobre o guardião do Estoril Praia aos 42 minutos, na melhor oportunidade da equipa na primeira parte, ao receber à entrada da área e a rematar para defesa de Jota Oliveira com a perna.

Jota Oliveira anulou as iniciativas dos famalicenses

Já perto do apito para intervalo, num contra ataque do Mágico, Lucas Silva vira jogo para Elias Achouri no corredor direito. O franco-tunisino ajeita para o remate e atira às malhas laterais da baliza da equipa da casa.

Com o resultado em aberto para o segundo tempo, no regresso dos balneários, Vasco Botelho da Costa refrescou o ataque, com a entrada de Serginho para o lugar de Elias Achouri.

Aos 59 minutos, Pablo consegue entrar na área do Estoril Praia e rematar para corte de Vasco Oliveira com o peito. Na sequência da jogada, a equipa da linha voltou a estar perto golo, cruzamento para a área, corte da defensiva do Famalicão e na segunda bola, Klismahn remata ao lado.

Vasco Botelho da Costa volta a mexer na equipa, primeiro aos 65 minutos com a entrada de Lucas Macula para o lugar de Gilson Tavares e aos 76 minutos, Lucho Vega dá lugar a Diogo Batista.

Os recém-entrados Lucas Macula e Diogo Batista também estiveram em destaque aos 81 minutos. O médio coloca a bola em Lucas Macula, que dribla um adversário e deixa a bola para Diogo Batista à entrada da área, que na conclusão atira por cima.

Há procura do golo, o treinador dos canarinhos reforça o ataque, com Klismahn a dar lugar a Douglas Aurélio, ao minuto 83.

O golo do Estoril Praia surge de canto a 4 minutos do final do tempo regulamentar. Serginho bate o esférico para a pequena área, Chiquinho de cabeça coloca na zona do segundo poste e Afonso Valente encosta para o 1-0.

Afonso Valente marcou o golo da vitória

Com esta vitória, o Estoril Praia segue em vantagem para o jogo da segunda mão, agendado para a próxima terça-feira, 4 de maio às 15H00, no Estádio António Coimbra da Mota.

Ficha de Jogo