A Estoril Praia – Futebol, SAD, vem, por este meio, lamentar e repudiar os acontecimentos ocorridos ontem, terça-feira, ao minuto 49 da partida da sexta jornada da Liga Portugal 2, quando dois indivíduos subiram o muro exterior do Estádio António Coimbra da Mota, acedendo e arremessando uma tocha para a bancada.

A Estoril Praia – Futebol, SAD, considera inaceitável este tipo de comportamento, em particular numa partida em que a sua equipa principal envergou uma camisola de jogo alusiva à Campanha “Tolerância Zero” para com a violência associada ao Desporto.

A Estoril Praia – Futebol, SAD, defende, e continuará a defender, de forma inflexível os valores éticos do desporto como a cooperação, o respeito, a solidariedade, o fair play e a tolerância, não permitindo que a sua imagem e a imagem da esmagadora maioria dos seus adeptos e simpatizantes fique associada a momentos como o que, infelizmente, assistimos ontem.

Ainda no decorrer do encontro, a Estoril Praia – Futebol, SAD, disponibilizou às autoridades policiais competentes todos os meios à sua disposição que permitam a identificação dos indivíduos em causa, de modo a que possam ser sancionados pelos atos cometidos, dos quais são os únicos responsáveis.

A Estoril Praia – Futebol, SAD, aproveita para agradecer a todos os adeptos que, de uma forma ordeira, correta, responsável e mesmo assim não menos apaixonada, têm apoiado a equipa, respeitando as normas de segurança sanitária impostas pela situação que atravessamos.